Após vencer um tumor cerebral, jovem transforma o hobby de gastronomia em fonte de renda

24/06/2020

Yasmin está matriculada na unidade de Niterói do Instituto Gourmet e é uma das finalistas para o prêmio “Meu Aluno Gourmet faz Acontecer”

Há cinco anos, Yasmin dos Santos Ferreira, hoje com 20 anos, viu todas as esperanças de uma boa vida se dissipar ao descobri um tumor cerebral. Após muitas lutas e tratamentos, a jovem encontrou na gastronomia um hobbie e esperança para dias melhores.

Com o tempo, ela percebeu que esse hobby poderia ser mais trabalhado e resolveu ingressar em um dos cursos do Instituto Gourmet – rede de franquias de ensino profissionalizante em gastronomia. Yasmin investiu em um curso de Master Confeiteiro e em dois meses aprendendo diversas técnicas já estava vendendo bolos de pote, pães de mel, bolos decorados e até ovo de páscoa
gourmet. “Quando comecei o curso de entendi que poderia transformar essa atividade em fonte de renda”, comenta.

Uma das alunas mais aplicadas e com uma história de superação emocionante da unidade de Niterói, a jovem é uma das finalistas da campanha “Meu Aluno Gourmet Faz Acontecer”, criada pela franqueadora com o intuito de incentivar os alunos e compartilhar histórias de empreendedorismo.

A ação premiará os três finalistas e o prêmio varia de R$ 2 mil a R$ 5 mil, dólmã e consultoria especializada para o primeiro lugar, já os instrutores podem levar prêmios de R$ 500 a R$ 2 mil. Yasmin conta que, se ganhar, utilizará o valor para investir em itens essenciais e insumos para continuar trabalhando. “Estar nessa final já é uma sensação de vitória, isso mostra que apesar de tudo, eu sou capaz. Quero no futuro ajudar pessoas que assim como eu, um dia já perderam esperança de vida”, pontua.

Para chegar até as três finalistas a rede recebeu mais de 800 mil votos. A votação para decidir o vencedor será aberta ao público no dia 25 de junho e estará disponível no portal da rede. Robson Fejoli, sócio diretor da rede, conta que essa campanha está sendo um sucesso incrível. “Queremos incentivar nossos alunos a empreender durante essa crise, nosso ensino é focado nessa vertente então criamos essa campanha para estimular esse lado empreendedor de cada um”, finaliza.

O Instituto Gourmet foi fundado em 2014 por Lucilaine Lima e Robson Fejoli, em 2015 com a entrada do sócio Glaucio Athayde, formataram e testaram o modelo de negócio para o franchising. A expansão da rede começou 2017 e desde então segue em constante crescimento e, só no ano passado, o Instituto Gourmet comercializou 88 unidades e obteve um faturamento de R$ 45
milhões. Com a sociedade com o Grupo SMZTO, a meta da rede é comercializar 100 unidades e atingir o faturamento de R$ 70 milhões de reais, além de lançamentos de novos cursos.